31.8.09

30.8.09

E não me venham dizer que o Boudin de volailles et ris de veau não acompanha bem um Pauillac de 1987...

No exacto instante em que o Usain Bolt recebia um cheque de cem mil euros por ter corrido os cem metros em nove segundos e não sei quê, encomendava eu, no hotel do Casino de Berna, um Boudin de volailles et ris de veau sur lit de choux-verts étuvés, pommes charlottes rissolées, sauce moutarde à l’ancienne, acompanhado por um bastante razoável Chateau Latour (já agora, um Pauillac de 1987...). Fiquei a pensar que é por estas e por outras que eu nunca chego a lado nenhum, o Usain Bolt a receber um cheque, fruto do seu incomensurável esforço e eu ali no restaurante do Casino a entreter-me com um Pauillac de 1987...


Foto: Visconde de Vila do Conde

Talvez seja eu que não estou a ver bem as coisas...

...mas acho que o Philip Roth e o Paul Auster escrevem igualzinho.

Destas últimas semanas (I)

Foto: Visconde de Vila do Conde

Não sendo uma impossibilidade estatística, a verdade é que talvez nunca venha a passar uma noite com a Paris Hilton. Entretanto, ninguém poderá dizer que nunca dormi uma noite no Hilton de Paris...

29.8.09

Basicamente, foi isto...


Foto: Visconde de Vila do Conde

4.8.09

Regras para ser uma sumidade da blogosfera

Regra 1 - Invocar a sua condição de veterano da blogosfera. Mesmo que se tenha um "babyblog" que dá boa nota de cada fralda mudada ou então um daqueles blogs em que partilhamos com o mundo o que comemos ao pequeno almoço, invocar que se é um veterano das lides dá sempre outro estatuto. Se alguém nos diz que "anda nisto dos blogues há seis anos", não podemos deixar o desaforo sem resposta, é invocar vinte anos de blogosfera. Há vinte anos não existia blogosfera? Bem, mas há vinte anos já jogávamos Tetris e toda a gente sabe que o Tetris é o tio-avô dos "blogs".

Regra 2 - Comunicar ao mundo que se teve um problema com o "lay-out" do blog e que quem nos desenrascou foi o Paulo Querido (nem por sombras pensámos em contactar o operador do serviço). Meu caro Querido (desculpe, trato sempre as pessoas pelo apelido), não tenho o gosto de o conhecer, mas se o meu caro ajuda altruisticamente todos os "bloggers" que lhe manifestam público reconhecimento pela rápida e preciosa ajuda que lhes prestou, daqui lhe rendo as minhas subidas homenagens.

Regra 3 - Referir-se a "bloggers" de referência (o que quer que isso seja ...) pelo nome próprio e não pelo "nick". Dá uma ideia de ser visita lá de casa. Por exemplo, em vez de se referirem a mim dizendo "O Visconde tem um tremendo gosto para escolher vinhos brancos que acompanhem ameijoas à la plancha", dizer "O Bernardo Vasconcellos e Souza tem um tremendo gosto para ...".

Regra 4 - "Linkar" toda a gente, principalmente aqueles que nos parecem ser mais aceites pela comunidade. Por exemplo, "linkar" o Abrupto dá-nos uma sensação de proximidade com o Pacheco Pereira idêntica à que sentimos em 1983 quando o tipo do restaurante em que jantámos nos disse que, precisamente na mesma mesa, tinha almoçado no dia anterior a Mónica Sintra.

Regra 5 - Escrever um post por dia com "links" de opiniões de "bloggers" sobre um tema, sem dar a sua própria opinião. Por exemplo "Manecas Dias da Cunha escreve isto, em resposta a Joana Souza Telles que já havia dito isto, não tão bem escrito como Thiago Menezes da Cunha que escreveu esta delícia em complemento a esta aboradagem original de Sofia Motta".

Regra 6 - Escrever títulos em inglês. Da lista que se segue, escolher um título por semana: "Long story short"; "Read my lips"; "Total turn-off"; "Been there, done that"; "Pardon my french".

Regra 7 - Escrever pelo menos um post mensal sobre o Principezinho. Ainda que não se tenha lido mais livro nenhum na vida, invocar o Principezinho é o caminho certo para passar uma imagem de sensibilidade. Cai bem.

Regra 8 - Por cada dez vídeos de música alternativa que se coloca, colocar um video de música brasileira dos anos setenta. Eagles ou Beach Boys também são uma boa opção, o importante é passar uma imagem de que, sim senhor, somos excêntricos e originais nos gostos musicais, mas, que diabo, também não perdemos a aderência com a vida real, também somos capazes de valorizar uma boa música de Simon & Garfunkel...

Regra 9 - Arranjar uma boa briga com alguém da blogosfera. De preferência, combinar a briga com alguém que também tenha os números do "statcounter" a definhar, é bom para todos, as visitas sobem em flecha, principalmente se a discussão se iniciar de forma civilizada, trocando argumentos sobre um determinado ponto de vista político e, aí pela terceira ronda da discussão, apimentar a coisa e questionar as opções sexuais allternativas da pessoa com quem estamos a argumentar.

Regra 10 - Terminar os "posts" com uma nota que diz "escrito também no Correio da Manhã" (nunca se sabe se o "blogger" é também o autor de qualquer coisa que tenha saído no "Correio da Manhã" ou se copiou qualquer coisa que saiu no "Correio da Manhã", escrito por outro.). Uma opção alternativa é escrever em meia dúzia de "blogs" e remeter um link para lá. Por exemplo, "Escrito também aqui".

Regra 11 - Pelo menos uma vez por semana, escrever um post cujo assunto seja "a minha vida não é isto, eu tenho uma vida fora da blogosfera".

Regra 12 - Escrever bem. Claro, não é absolutamente essencial...