1.3.12

Estou melhorzinho

Está um homem aqui desterrado uma semana inteira, mal dorme a estudar coisas difíceis de aprender, e há um professor que causa uma imediata urticária a um homem, e fica a pensar que não é por ele falar em estrangeiro nem é porque tem uma cor de pele diferente da minha, nem sequer é porque fala de coisas de psicologia numa voz esganiçada.

Um homem conclui que não gosta daquele professor porque teve um rápido vislumbre de uma pulseira Tucson por debaixo das mangas da camisa branca. E um homem fica a pensar que há muitas maneiras de aversão ao próximo

5 comentários:

Maria Fonseca disse...

Agora fiquei aqui com uma dúvida. O problema, caso existisse, seria com as coisas da psicologia, com a voz esganiçada ou com a conjugação das duas?

Visconde de Vila do Conde disse...

Maria Fonseca, é por demais conhecida a minha reserva mental para com pessoas oriundas disso das psicologias, toda a gente sabe isso.

Maria Fonseca disse...

Não me leve a mal Visconde, mas sou uma rapariga distraída e há uma série de coisas que me passam ao lado.

Stiletto disse...

Não diga isso à Ursa que ela é menina para lhe dedicar vários posts psicológicos.
(as pulseiras tucson são um acessório giro no Verão.. e diz que equilibram as gentes)

João Afonso Machado disse...

Visconde: com uma pulseira Tucson ninguém entra em Vila do Conde. Pelo menos na praia da frente.
A propósito: há no FB um grupo assim chamado - (VC - Praia da frente) - que espera por si.